PUBLICIDADE

Gynopac (comprimido revestido e creme)

Princípios ativos: tioconazol, tinidazol, secnidazol

ESTE TEXTO FOI EXTRAÍDO MANUALMENTE. CONSULTE SEMPRE A BULA ORIGINAL

Contraindicações e riscos de Gynopac

Você não deve utilizar Gynopac® nas seguintes condições:

  • quadro atual ou antecedente de distúrbios da coagulação do sangue;
  • distúrbios neurológicos orgânicos (distúrbios do sistema nervoso);
  • primeiro trimestre de gravidez;
  • durante a amamentação. O tinidazol e o secnidazol podem ser encontrados no leite materno e podem estar presente por mais de 72 horas após a administração. As mulheres não devem amamentar durante e pelo menos três dias após ter descontinuado o tratamento.
  • hipersensibilidade (alergia) ao tioconazol, ao tinidazol, ao secnidazol ou a outros derivados imidazólicos, a qualquer agente antimicrobiano derivado do 5-nitroimidazol ou a qualquer componente da fórmula.

Este medicamento é contraindicado para uso por crianças.

Este medicamento é contraindicado para uso no primeiro trimestre de gestação.

Este medicamento é contraindicado para uso durante a amamentação.

Mais de: Gynopac